PINE - Culpa, Autorreprovação pelos seus atos e dos outros

  • Em estoque
  • A partir de:
  • R$14,90

em até 3x sem juros
compra segura

Simular Frete

CULPA. AUTORREPROVAÇÃO PELOS SEUS ATOS E DOS OUTROS.

Pine é aconselhado para pessoas que se sentem cheias de culpa e de autorreprovação. Que se culpam pelos erros das outras pessoas e por qualquer coisa que ocorra mal. Sentem que não têm mérito ou valor. O seu complexo de culpa e sentimento de vergonha não se baseiam, necessariamente, em algo errado que tenham realmente feito, mas destrói a possibilidade de uma vida feliz.
Estas pessoas parecem humildes e estão sempre pedindo desculpas, pedem desculpa por estarem doentes e podem até achar que merecem a doença ou dor.
Acham que têm muito e os outros pouco. Acham que não merecem o que possuem.
O potencial positivo do Pine permite às pessoas aceitarem a responsabilidade com realismo e a fazer juízos de valores sólidos. As pessoas Pine positivas aceitam-se e respeitam-se a si mesmas tais como fariam com os outros, sem juízos de valor excessivamente negativos. O Dr. Bach escreveu o seguinte sobre as pessoas Pine: “Qualquer sinal de condenação contra nós, ou os outros, é um sinal de condenação contra a Criação Universal do Amor e restringe-nos, limita os nossos poderes para permitir que o Amor Universal flua em nós e chegue até aos outros.”.
• Perdão pelas nossas atitudes erradas.
• Merecimento de sermos felizes.
• Merecimento de aproveitarmos o que o Divino nos deu.

Os frascos vem com 20% de brandy como conservante dos florais e com validade de 3 meses. 


Tomar 4 gotas 3 vezes ao dia.


O uso pode ser sub-lingual (debaixo da língua) para uma absorção mais rápida.

Manter as gotas por um instante na boca antes de engolir para obter o efeito pleno.

Também pode ser diluído em água se deseja atenuar o gosto.


  • As indicações não se tratam de propaganda, e sim de descrição do produto. 
  • As imagens são meramente ilustrativas.
  • As indicações dos produtos são baseadas no conhecimento científico de nossa farmacêutica, literatura científica e laudos de aquisição dos produtos junto a fornecedores qualificados e autorizados pela Anvisa.
  • "Se persistirem os sintomas, o médico ou farmacêutico deverá ser consultado."
  • "Evite a automedicação." Medicamentos livres de prescrição médica também podem trazer prejuízo à saúde se não forem utilizados corretamente.


Venda sob prescrição de profissional habilitado, podendo este ser a nossa farmacêutica de acordo com a Resolução 586/2013 do Conselho Federal de Farmácia. Consulte-a!

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.

Produtos relacionados