HOLLY - Inveja, Ciúmes, Vingança, Ódio

  • Em estoque
  • A partir de:
  • R$17,90

em até 3x sem juros
compra segura

Simular Frete

INVEJA, CIÚMES, VINGANÇA, ÓDIO, REVOLTA, NÃO ACEITAÇÃO.


O Holly é indicado para pessoas que podem ser mal-humoradas, duras, cruéis e até mesmo violentas. No seu íntimo estão sofrendo, muitas vezes sem causa. Têm dificuldade em abrir o coração ao amor.
O estado de espírito Holly negativo é cheio de ódio, inveja e ciúmes. Talvez sofrendo inconscientemente de insegurança, as pessoas Holly são desconfiadas e agressivas. Falta-lhes a capacidade para amar e sentem uma raiva generalizada por seus semelhantes.
Holly é uma ótima essência para crianças que sentem ciúmes vingativos de seus irmãos.
O potencial positivo do Holly revela uma pessoa bondosa, capaz de dar sem exigir nada em troca. Estas pessoas são amorosas e adoráveis, não possessivas, têm compaixão e estão dispostas a compartilhar, mesmo que tenham seus próprios problemas. Apoiadas por um sentido de harmonia interior sentem prazer genuíno com o sucesso das outras pessoas. O Dr. Bach escreveu: “O Holly protege-nos de tudo que não seja o Amor Universal. O Holly abre o coração e nos une ao Amor Divino.”


INDICAÇÕES:

- Trata os sentimentos de inveja, irritação, ciúme e orgulho;

- Promove a generosidade da alma;

- Combate a infelicidade gerada por sentimentos negativos.


Os frascos vem com 20% de brandy como conservante dos florais e com validade de 3 meses.


Tomar 4 gotas 3 vezes ao dia.


O uso pode ser sub-lingual (debaixo da língua) para uma absorção mais rápida.
Manter as gotas por um instante na boca antes de engolir para obter o efeito pleno.
Também pode ser diluído em água se deseja atenuar o gosto.


  • As indicações não se tratam de propaganda, e sim de descrição do produto. 
  • As imagens são meramente ilustrativas.
  • As indicações dos produtos são baseadas no conhecimento científico de nossa farmacêutica, literatura científica e laudos de aquisição dos produtos junto a fornecedores qualificados e autorizados pela Anvisa.
  • "Se persistirem os sintomas, o médico ou farmacêutico deverá ser consultado."
  • "Evite a automedicação." Medicamentos livres de prescrição médica também podem trazer prejuízo à saúde se não forem utilizados corretamente.

Venda sob prescrição de profissional habilitado, podendo este ser a nossa farmacêutica de acordo com a Resolução 586/2013 do Conselho Federal de Farmácia. Consulte-a!
"O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário à informação e orientação quanto ao uso dos medicamentos solicitados por acesso remoto" RDC 44 de 17 de agosto de 2009, Artigo 58.”



Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.

Produtos relacionados